App da câmara de Cascais que recompensa munícipes participativos vence concurso da ONU

App da câmara de Cascais que recompensa munícipes participativos vence concurso da ONU

Artigo original 22 Março 2018 por: Publico

A aplicação City Points já tinha sido reconhecida em Novembro ao ganhar na categoria da competição que dizia respeito à participação dos cidadãos. Ganha agora o prémio final que foi entregue esta quinta-feira em Viena, na Áustria.

A aplicação móvel City Points da câmara de Cascais ganhou o grande prémio da competição World Summit Award, promovida pelas Nações Unidas, que distingue o melhor projecto mundial de inovação digital com impacto na sociedade. É “a única autarquia no mundo a desenvolver uma aplicação vencedora” nesta edição dos prémios de inovação”, nota o município em comunicado.

A City Points foi desenvolvida pela câmara de Cascais, em parceria com a empresa InnoWave Technologies, e lançada no ano passado, para ser um incentivo às boas práticas e à participação cidadã, premiando os munícipes que façam escolhas sustentáveis para a vila.

Através da app, é possível acumular pontos ao fazer, por exemplo, a reciclagem, ao usar transportes públicos ou bicicletas, participar em acções de voluntariado ou votar no orçamento participativo. Ao fazerem isso, os cidadãos ganham pontos que podem depois ser trocados por livros, plantas, entradas gratuitas em museus, visitas guiadas, ingressos para eventos, horas de estacionamento, serviços de cuidados de animais.

“Os cidadãos não confiam nos políticos, não confiam nos partidos e não confiam nem nas instituições, nem nas grandes empresas a quem entregam os seus dados. A degradação do ambiente de confiança gera clima de todos contra todos de onde emerge o populismo e o radicalismo”, notou o vice-presidente da autarquia, Miguel Pinto Luz, na cerimónia que decorreu esta quinta-feira em Viena, na Áustria, lembrando a recente polémica com a empresa Cambridge Analytica que recolheu dados de milhões de utilizadores do Facebook para efeitos de propaganda política. Para o autarca, a app de Cascais propõe-se a recuperar “a confiança dos cidadãos nos seus pares e nos seus servidores públicos”.

Cascais já integrava o grupo dos 40 melhores projectos mundiais, divididos em oito categorias, que foram reconhecidos pelo World Summit Award em Novembro, entre mais de 400 candidaturas de 150 países.

A aplicação está, para já, apenas disponível no município de Cascais, mas a intenção da autarquia é a de que outras cidades possam aderir a este sistema.

O World Summit Award começou em 2003 e, desde então, tem seleccionado e promovido projectos de inovação digital que tenham impacto nas sociedades dos Estados-membros das Nações Unidas. Em edições passadas, oito projectos portugueses tinham sido já reconhecidos, entre os quais a ColorADD, o código desenhado para ajudar daltónicos a distinguir as cores, e a EDP Re:Dy que pretende possibilitar ao cidadão o controlo, através do telemóvel, dos serviços prestados pela empresa como o consumo energético em casa.

Nesta edição, além da City Points, também a aplicação SnapCity, que permite que turistas possam pedir dicas a locais e depois recompensá-los por isso, foi distinguida, vencendo na categoria de Cultura e Turismo.

Fonte Original

Your email address will not be published. Required fields are marked O teu endereço de email não vai ser publicado. Campos obrigatórios estão marcados.*