Portugal é estrela “hot” da Europa, elogia Wall Street Journal

Portugal é estrela “hot” da Europa, elogia Wall Street Journal

Artigo original 05 Outubro 2017 por: ECO

Portugal voltou a ser atraente para investidores e as startups tech nascem como cogumelos no país, escreve o jornal norte-americano.

“Há apenas quatro anos, Portugal estava esmagado por credores internacionais”, escreve esta quarta-feira o The Wall Street Journal. Numa reportagem intitulada “Portugal finds its stride after a bad stretch“, o jornal norte-americano elogia o caminho feito pela economia e pelo país, sublinhando o percurso inverso atual face à situação de desemprego e de défice registada há quatro anos.

De acordo com a reportagem, o país é uma das “estrelas quentes” da Europa, com estrangeiros a quererem mudar-se para Portugal e com startups tech a nascerem e crescerem como “cogumelos”. Todo esse cenário, justifica o artigo, contribuiu para a revisão do rating anunciada no final de setembro pela Standard & Poor’s, que retirou o rating da República da categoria “de lixo”.

“Lisboa está a acontecer”, elogia o estónio Martin Henk, empreendedor que abriu um escritório da sua startup na cidade, citado pelo jornal. O WSJ compara ainda a recuperação de Portugal — e da Irlanda — com as situações ainda delicadas da Grécia e de Itália, “onde o crescimento é cerca de metade do de Portugal”. E, ainda que o texto sublinhe que “ainda é cedo para dizer se a recuperação surpreendente veio para ficar”, as “sementes” estão lançadas: Portugal tornou-se “mais atrativo para os investidores” e… para os turistas.

Leia aqui o artigo na íntegra.

Fonte Original

Sobre autor

Your email address will not be published. Required fields are marked O teu endereço de email não vai ser publicado. Campos obrigatórios estão marcados.*